Tártaro dental

Você já ouviu falar sobre tártaro dental? Sabe o que é isso? Também conhecido como cálculo dental, é uma placa bacteriana de cor amarelada que enrijece e se acumula na superfície dentária, podendo também se formar embaixo da gengiva e causar danos a ela.

Ele pode gerar problemas mais sérios, como cáries e gengivite, prejudicando não só a saúde dos dentes e da gengiva, mas também a estética. Pessoas que fumam, tomam chá ou café têm um problema maior ainda se tiverem tártaro, pois ele é poroso e absorve ainda mais as manchas, causando o amarelamento nos dentes.

Dito isso, temos certeza de que você não quer adquirir o tártaro dental, então aqui vão algumas dicas de como evitá-lo:

  • A higienização bucal correta é fundamental para evitar este e outros tipos de problemas. Um creme dental antitártaro e a utilização do fio dental podem ajudar a diminuir as chances de desenvolver o tártaro.
  • Uma má-alimentação também contribui para o seu desenvolvimento: excesso de ácido, açúcar, alimentos refinados e gorduras prejudiciais podem ser substituídos por frutas e verduras cruas, que são benéficas e ajudam a evitar sua formação.
  • Manter-se hidratado o dia todo e evitar comer entre as refeições – para que a cavidade bucal não fique ácida, permitindo o acúmulo de bactérias – também pode ajudar a evitar a formação do tártaro.

Diferenciais do tártaro dental

Se você está lendo tudo isso e está desconfiado de que possui tártaro, aqui vão alguns sinais de como identificá-lo:

  • Se ele estiver acima da margem da gengiva, o acúmulo mineral resultará em uma cor amarela ou marrom entre os dentes e na margem gengival.
  • O tártaro também pode resultar no amolecimento dos dentes, já que retém inúmeras bactérias que podem destruir os tecidos dentais, prejudicando também a estrutura óssea. Porém, sabemos que existem diversas causas de escurecimento e amolecimento dos dentes e nenhum autodiagnóstico é recomendado. Somente um profissional pode diagnosticar e remover o tártaro dental.

Portanto, se você desconfia que esteja com problemas, corra para o dentista. Se o diagnóstico for confirmado, deve ser dado início ao tratamento imediatamente. Por ter uma consistência rígida, somente um profissional pode fazer a remoção do tártaro dental contando com instrumentos, como curetas, para realizar as raspagens dentárias e a remoção dos tártaros.

O tratamento pode ser feito também por ultrassom, que a partir de vibrações destrói as bactérias sem prejudicar a estrutura dentária. Em casos mais sérios, como tártaros subgengivais, o paciente necessita de cuidados especiais que recomponham a saúde bucal e removam os tártaros.

Fale com os nossos especialistas e saiba mais sobre tártaro dental

Você está lendo isso e desconfia que esteja com tártaro dental? Ou tem alguma outra dúvida? Entre em contato com nossos especialista na área e descubra tudo que precisa saber sobre o assunto. Cuide da sua região bucal e visite regularmente um dentista: se não for bem tratada, ela pode prejudicar a sua saúde e estética!

Tags

Talvez você goste também

Siga A Life Sorrisos

Postagens Recentes

Curta Nossa Página

WhatsApp
1