Aparelho ortodôntico estético - Life Sorrisos

Aparelho ortodôntico estético

O sorriso é seu cartão de visitas. Quem nunca ouviu essa frase? Pois nela se encontra a importância de dentes alinhados e saudáveis. Não apenas em termos de saúde, o sorriso também abre dezenas de oportunidades no dia a dia. Mas para quem já passou da fase da adolescência, o aparelho ortodôntico pode ser um incômodo visual no cotidiano e no trabalho. Nesse sentido, o aparelho ortodôntico estético surgiu justamente para aliar o tratamento a um visual mais discreto na comparação com outros tipos de aparelho. O tratamento é realizado no sentido de corrigir os ossos do maxilar e a posição dos dentes.

O desalinhamento da arcada pode provocar sintomas incômodos como apneia, ronco, dores de cabeça, dificuldade para respirar e para mastigar alimentos. Mesmo para aqueles que não apresentam nenhum problema grave na dentição, a questão da falta de alinhamento pode ser impactante em termos estéticos e trazer problemas de autoestima. Há vários tipos de aparelhos fixos, mas o aparelho estético tem como característica principal apresentar bráquetes mais discretos, aquelas peças coladas em cada dente com a função de impulsionar o movimento da arcada. Seja por motivos de saúde, estéticos, ou ambos, não deixe para amanhã esse tratamento que só trará benefícios.

 

Diferenciais do aparelho ortodôntico estético

 

Esse tipo de aparelho se caracteriza por bráquetes que se assemelham à cor dos dentes. Dessa forma, muitas vezes, passam quase despercebidos no dia a dia. Os principais materiais que compõem o aparelho ortodôntico estético são a cerâmica ou porcelana, o policarbonato ou a safira. O policarbonato, um tipo de resina plástica, apresenta preço mais acessível, mas costuma ser mais frágil que as demais opções. Já os de cerâmica ou porcelana são mais resistentes, mas não chegam ao nível dos bráquetes de metal. Entre as opções estéticas, os bráquetes de safira são mais caros e resistentes. Em todos os casos, recomenda-se evitar o consumo de bebidas que possam pigmentar o aparelho, a exemplo do café. A pigmentação fica nas borrachinhas, que são trocadas a cada visita ao dentista, o que ajuda a reduzir a diferença na cor em geral. Juntos aos bráquetes, o arco de cada aparelho pode ajudar a deixá-lo mais discreto.

Geralmente, utiliza-se a liga metálica, que acaba não interferindo tanto em termos estéticos, apesar de desagradar alguns pacientes. Pode-se aplicar um revestimento branco para deixá-lo mais compatível com a coloração dos dentes e dos bráquetes. Há ainda o arco translúcido, que não é muito utilizado, pois não está disponível em todos os calibres de tensão e não possui a maleabilidade necessária para alguns tratamentos.

 

Fale com os nossos especialistas e saiba mais sobre o aparelho ortodôntico estético

 

Não há mais desculpas para ter um sorriso desalinhado e que possa causa incômodos diversos ao paciente, desde a redução da autoestima até o comprometimento da saúde bucal como um todo. O aparelho ortodôntico estético surgiu para que qualquer pessoa, independentemente da idade, possa utilizá-lo sem sentir-se constrangida devido à aparência. Cada paciente requer um tipo de tratamento, com especificidades que devem ser avaliadas pelo ortodontista. Ficou com dúvidas em relação a qual modelo está de acordo com o seu caso? Não deixe de entrar em contato conosco que esclareceremos todas as questões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *